INTERESSADOS DIRETAMENTE COM O DIAP

 
Veja nossa localização
e entre em contato
 
FILIADA A
 
 
 
 
 
 

Biblioteca

O novo sindicalismo na profissão contábil

Na manhã do dia 26 de agosto, o presidente da Confederação Nacional das Profissões Liberais - CNPL, Francisco Antonio Feijó, o presidente da Central Sindical dos Profissionais – CSP, Luiz Sergio da Rosa Lopes, e o advogado do Sescon/RS, Flávio Obino Filho, debateram, durante o 3º Fórum Nacional de Entidades Sindicais da Área Contábil, a importância das entidades sindicais da classe contábil e as modernizações necessárias frente às novas relações de trabalho na atualidade. O debate foi moderado por Antonio Carlos Doro, atual coordenador da Comissão de Integração Sindical do Conselho Federal de Contabilidade - CFC. A partir do tema O Novo Sindicalismo na Profissão Contábil, o presidente Feijó argumentou que a portaria nº 186 do Ministério do Trabalho e do Emprego – MTE, fere o princípio da unicidade sindical e apresenta caráter inconstitucional, sendo, por isso, alvo de uma ADIN – Ação Direta de Inconstitucionalidade, ajuíza pela CNPL, juntamente com outras 10 Confederações de profissionais de todo o País. O presidente também ressaltou a necessidade de aproximação das entidades sindicais com os conselhos de fiscalização profissional, ao afirmar que "os sindicalistas, em especial os que ocupam cargos de diretoria, deveriam, obrigatoriamente, ser registrados em conselhos regionais".
Já o presidente da CSP, Luiz Sergio da Rosa Lopes, lembrou a importância do sistema confederativo para a garantia dos direitos mínimos dos trabalhadores e defendeu que os líderes das empresas e das organizações precisam ter em mente que os funcionários devem estar no posto de parceiros e não de subordinados. Lopes também defendeu a não interferência do Estado no sistema sindical, em nome de uma representação imparcial dos profissionais.
Para o advogado do Sescon/RS, Flávio Obino Filho, a unicidade e a liberdade de atuação do sistema sindical são de extrema importância para a qualidade da representação dos profissionais.
Na platéia, formada por mais de 200 profissionais contábeis, encontravam-se os presidentes das oito Federações de Contabilistas do Brasil, de sindicatos e líderes da classe de todo o País.


•  Voltar a Biblioteca
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Fedcont - Federação dos Contabilistas nos Estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Bahia
Av. Presidente Vargas, 502 / 8° andar - Ed. Sisal
Centro - Rio de Janeiro / RJ - CEP: 20071-000
Fone: (21) 2220-4358  /  Fax: (21) 2532-5259  /  E-mail: fedcont@fedcont.org.br